1 de setembro de 2009

Óleo de cozinha! Vamos reciclar?

Muita gente não sabe, mas jogar óleo das frituras no ralo, na pia ou mesmo na bacia do banheiro é contribuir para que a tubulação de uma casa tenha problemas de entupimento, trazendo ainda, prejuízos para toda a rede coletora e o pior de tudo: ao meio ambiente como um todo. Segundo dados da Sabesp, um litro de óleo pode contaminar mais de 25 mil litros de água.

Quando jogado nas tubulações ele acaba se juntando com resíduos como ponta de cigarros, preservativos a até cabelos, formando um bloco duro, dificultando a desobstrução do sistema.

A Sabesp desenvolve campanhas de conscientização e também as ONGs levantam a bandeira da reciclagem e fazem um trabalho didático com as comunidades. Desde 2002 uma entidade recolhe a faz reciclagem de óleo de cozinha, transformando-o em sabão ecológico em uma usina própria. Já foram mais de 400 toneladas de óleo coletadas, mas ainda é pouco se pensarmos que são vendidas 180 mil toneladas de óleo por mês no Brasil.

O impacto do óleo no meio ambiente é muito grande, por isso é importante mudarmos de hábito e passarmos a coletar esse óleo e descartá-lo de forma correta. Além de transformá-lo em sabão, entre outras coisas pode virar também biodiesel e ração animal.

Para guardar o óleo é necessário esperar que ele esfrie. Depois coloque-o dentro de uma garrafa ou outro recipiente com tampa, conforme fig. abaixo. Não precisa coar. Leve aos pontos de entrega voluntária ou se preferir, fabrique o seu próprio sabão em casa.


"A reciclagem do óleo é uma atitude sustentável, que vale muito a pena e o meio ambiente agradece."
Fonte: metrô news - Mônika Kikuti

Sobre a Autora:
Rosana Ibanez Rosana Ibanez:Sou alguém que gosta da vida, que procura viver dentro de seus princípios, que ama sua família, que viveu bastante mas não o suficiente, que apesar da distância e das barreiras, ainda acredita no amor entre duas pessoas, que acredita na continuidade da vida após a morte, que ama o próximo como a si mesma, que ainda acredita no ser humano e que tem DEUS como ser supremo.

10 comentários:

Gato Guga disse...

Legal, porém, não temos, no brasil, cultura para a reciclagem e nunca tivemos. Essa palavra é muito nova aqui no país e não funciona em quase nada as campanhas, porque o próprio governo não leva nada a sério. A maior dificuldade da reciclagem é a falta absoluta de coletores, pois somente se houvessem coletores das usinas, nas residências, é que a coisa poder fluir. Jogar na tubulação não deve mesmo ser feito, pois desentupidoras cobram o olho da cara nos preços. É uma questão complexa em um país de terceiro mundo. Quem sabe em 3 ou 4 gerações à frente, a cultura mude, desde as escolas. Bjs.

Douglas disse...

siim..
eu li sobre isso no jornal
óleo de cozinha é ruim para a saúde, para o ambiente e para a casa onde moramos, é uma coisa de loucoo!! hehe

bjos

Rosana Ibanez disse...

Oi Gato Guga! Verdade, concordo com você quando diz que o governo mais fala do que age. A falta de coletores desmotiva as pessoas as pessoas a cooperar e acho que deveriam ser distribuidos panfletos explicando sobre a reciclagem e até indicando os pontos de coletas próximos de cada residência. Isso com certeza ajudaria e muito.
Mas como vc mesmo citou, aqui é mesmo tudo diferente...
bjs e obrigada.

Rosana Ibanez disse...

Olá Douglas! Vc voltou foi? rrss
Olha, o óleo faz mesmo um mal imenso a nossa saúde e cheguei a conclusão que não é só a saude não, mas sim ao nosso planeta.
O homem mais uma vêz não consegue ter consciência do perigo que é jogando fora os óleos usados em cozinha.
Obrigadão e muito bjs

Luciana disse...

Ro, muito interessante!
Como faço pra descobrir se há coleta em minha cidade? E se não houver, faço o que? Jogo no lixo? Eu me sinto muito relaxada com a questão da reciclagem e gostaria de começar por minha própria casa a dar exemplo. Tomar vergonha na cara, né?
Bjsssss

Rosana Ibanez disse...

Oi Luciana, obrigada por sua visita e comentários.
Como o Gato Guga disse acima, o Brasil não tem cultura para a reciclagem, pois o povo não é informado com precisão como agir nesses casos e acaba se acomodando. Uma coisa puxa a outra. O certo seria verificar na internet onde pode encontrar um ponto de coleta mais próximo de sua casa, pois pelo que vi Araçatuba é uma cidade grande e provavelmente deverá sim ter algo semelhante. Mas sei que é complicado, pois tb passo por essas dúvidas.
beijão

Sissym disse...

Eu fiquei uma fera outro dia com minha maid, porque óleo sempre durou uma eternidade na minha casa. Eu tenho colesterol alto, não posso abusar, e mal abriu... cade?!

Reciclar é uma otima ideia. Vou ver se conto isso para ela aprender e entender principalmente!

Bjs

Rosana Ibanez disse...

Oi Sissym! Eu também preciso ter iniciativa e reciclar o óleo, mas primeiro preciso saber onde é o ponto de coletas proximo a minha casa. Existem algumas vizinhas que fazem o próprio sabão em casa, de repente entrega p/elas.
Bjs e boa sorte ai no Rio!

Anônimo disse...

Спасибо понравилось !

Anônimo disse...

Obrigado pela grande informação! Eu não teria descoberto este o contrário!

Blog Widget by LinkWithin
 

Sempre em dia... Copyright © 2010 Designed by Cris Duarte Cantinho do Blog